BIG BROTHER ECHELON IS WATCHING THIS

Por Peter S. Krause

          1999. 1984. 1948.

          1948 foi o ano em que George Orwell concluiu seu livro mais famoso e importante, 1984. Ele contava a história de uma sociedade onde o poder controlava a informação, sem falar no pensamento de seus cidadãos. 1948 também foi o ano em que a National Security Agency, NSA, lançou o Echelon, um sistema de espionagem via satélite que intercepta qualquer informação que cruze os ares (rádio, celular, etc.) ou cruze nacionais dos países membros, isto é, Estados Unidos, Grã Bretanha, Austrália, Canadá e, pasmem, Nova Zelândia: a UKUSA. A eles juntou-se, depois, o resto da OTAN mais Coréia e Japão. No entanto o sistema do acordo de adesão garante vantagens aos primeiros países membros (todos de língua inglesa, para acrescentar mais uma paranóia). Mike Frost, aquele de Twin Peaks, que trabalhou lá, diz que a organização é a cama e a CIA, o chinelo velho esquecido no pé. A coisa é grande e os computadores quebram qualquer código com menos de 1.028 bits sem o uso de operador.

          "Ãh, tá, mas tu disse que ele só lê o que sai das fronteiras nacionais " comenta o Just Bocó. E quantas conexões de satélite está fazendo esta página para chegar na telinha do seu micrinho? É, eu também não sei. O que eu sei é que o dicionário programado do sistema busca palavras chaves de terrorismo, insatisfação social, insubordinação política, tráfico de drogas, isto por cima do pano. Por baixo do pano já admitiram (vazou, fazer o quê, a gente admite) haverem sido roubados contratos comerciais e projetos de acordos internacionais de direito público e privado. Se serve de consolo eles ficam apenas um mês com as fitas. By the way, o sistema identifica o local da emissão da mensagem, além do próprio emissor.

          O Parlamento Europeu, que evidentemente não sabia da coisa (milico é igual em todo o mundo e é por isso que tem gente que acredita que tem E.T.s na Área 51) manifestou-se contra. Parece que o presidente Milosevich também, mas é ir um pouco longe. Ao mesmos, o Almirante reformado Bobby Ray Inman afirmou que conseguiu impedir que as informações fossem abertas para o capital especulativo, conforme queriam alguns. Os únicos que possuem acesso total aos dados coletados são o pessoal da NSA, donos da communication intelligence ou comint, o centro nervoso do Echelon. A eles segue o GCHQ (Government Communications Headquarters a NSA inglesa) e a CSE (Communications Security Establishment mesma coisa no Canadá).

          E você achava que a internet era perigosa para sua privacidade? Seu telefone também é, agora ao menos cê sabe disto. Acho melhor a gente ir se acostumando afinal de contas, ao contrário do Orwell em 1984, eu não estou fazendo ficção em 1999.